Jujuba Jóias
moda
tendências
viagens
beleza
decor
cultura
culinária
17 set 2013

Diário de uma mãe: a amamentação!

Já que é vida nova para mim como mãe, por que não uma fase nova para o blog? Antes era “Diário de uma grávida”, agora será “Diário de uma mãe”!!! Ai, tenho tantas coisas para contar, não sei por onde começar, bloguetes!

Sei sim, pela amamentação!

Não posso começar falando sobre a amamentação e não ser verdadeira com vocês. Olha, amamentar a Maria Antonia está sendo a melhor coisa da minha vida, mas não é fácil não! Hoje ela está com 26 dias de vida e até a segunda semana doeu muuuuuito! Ainda dói um tiquinho, mas nem se compara ao que passei no comecinho. O que mais dificulta nos primeiros dias é que o leite de verdade ainda não saiu, só o colostro. O meu leite desceu no quinto dia, após o nascimento dela. Fiquei tãoooo feliz, vocês não imaginam! É uma satisfação para a mãe ver que pode alimentar o seu filho, né? Infelizmente existem casos que o leite não desce, conheço várias amigas que não conseguiram amamentar. Se isto acontece, não devemos desanimar, pois acredito que podemos dar carinho e amor de várias outras formas para nossos babies, não é mamães?

Bom, quando eu ainda estava no hospital, recebi algumas dicas de como amamentar. Mas hoje, com muito leite, acho que não tem muito segredo não. Cada mãe sabe qual a melhor forma de amamentar o seu filho. O que aprendi e acho legal passar pra vocês é deixar o bebê na posição certa, com o nariz de fora para não prender a respiração, a boquinha beeeeeem aberta e deixar 20 minutos em cada peito. Aliás, não sei se esta “regra” do tempo é a mesma para todas, mas eu deixo a M.A mamar 20 minutos em um, coloco ela pra arrotar, e depois dou mais 20 no outro. A pediatra dela disse que o importante é ela mamar até o final desses 20, pois o leite “gordinho” e bem nutritivo sai mesmo no finalzinho. O nosso leite tem 3 fases: uma mais líquida, uma médio e a última bem nutritiva. Por isso é importante deixar o tempo certo. Mas, de uns dias pra cá, a Maria Antonia tem mamado 20 em um peito e 10 no outro e não quer mais. Acho que ela mama com tanta força e tão rápido que chega no final do outro peito, não aguenta rs!!!! Já aconteceu isso com os seus babies? Ah, e sempre começar pelo peito que terminou!

Sobre a dor nos seios… Eu senti taaaanta dor no começo que recorri à varios produtos que me indicaram. Quando estava grávida, não fiz nada como prevenção, e hoje me arrependo muito! Poderia ter ao menos tomado sol ou passado pomada, mas e a preguiça da pessoa? rsss

Algumas mulheres já me falaram que não sentiram dor nenhuma para amamentar! Eu sei que é verdade, mas não consigo acreditarrrrr rsrsrs!!!!! Então, estas dicas vão valer para quem realmente precisa de uma ajuda, tá?

1-) Pomadas para rachaduras dos seios: Mustela, Medela e Lansinoh.

A Mustela foi uma dica preciosa de uma amiga e tem a função de dar uma leve anestesiada nos bicos dos seios. Como as outras duas, ela é própria para o bebê também, ou seja, não tem problema deles encostarem a boca. Este “balm” usei nas duas primeiras semanas, junto com a Lansinoh (passava uma por cima da outra mesmo).

Quando minha irmã foi fazer o meu enxoval, ela comprou esta pomada da Medela, marca que eu amo própria de bebê. É ótima e não meleca tanto quanto a da Lansinoh. As duas tem a mesma função, mas acho que a Medela não vende no Brasil (me corrijam se eu estiver errada). Indico as duas marcas, ambas são de lanolina e não faz mal para o bebê.

2- Outros acessórios que fazem parte da amamentação: Medela Tender Care Hydrogel, conchas da Chicco e absorventes de seios da Lansinoh.

Este Hydrogel da Medela serve para dar um alívio para os seios. Explico: é um “pad” de gel que você coloca na geladeira (ou não) e coloca nos seios após a amamentação. Refresca no momento que você coloca, dá um alívio, mas não tira a dor de amamentar.

As conchas da Chicco é uma maravilha, estou usando muuuito, assim como estes absorventes da Lansinoh. As conchas são excelentes quando você tem muito leite e os seios ficam “duros” rapidamente. Agora que a M.A está mamando super bem, não uso tanto, mas até semana passada ficava o dia inteiro com elas. O bom é que o leitinho que sai fica guardado dentro delas e vocês podem guardar este leite numa garrafinha na geladeira ou até congelar. Você não perde o leite, entendeu? A única coisa chata é que se abaixarpara pegar alguma coisa, pode molhar a roupa e o sutian! Nossa, eu estou trocando de roupa 3 vezes ao dia hahaha!!!! Sutian de amamentação é 1 por mamada hahaha!

O mais chato de tudo é dormir, pois tem noites que a Maria Antonia chega a ficar 5 horas seguidas dormindo. É ótimo para o meu sono rs, mas os seios ficam tão cheios que eu fico com medo de empedrar (até hoje não empedrou, ainda bem!). Na maioria das noites eu durmo com o absorvente da Lansinoh (as conchas incomodam pois são duras), mas quando acordo tenho que tirar um pouquinho com a bombinha antes dela mamar, pois quando está muito cheio, fica difícil dela pegar. Aiiii geeeeente, quanta coisa hahaha!!!!

Ahhh, a bombinha de tirar leite é extremamente necessário, hein? Não esqueçam de comprar no enxoval! Tirei muuuito leite com a bombinha até ela mamar pra valer. Alivia muito e diminui o risco de empedrar.

Bom, a última dica é para as mães que fizeram cesárea, como eu. Para diminuir a cicatriz, podemos usar e abusar de certos produtos, como o spray Kelo-Cote e o gel da Mederma. O spray foi indicação do meu médico e vende em qualquer farmácia (achei fácil em Araçatuba). O gel comprei nos Estados Unidos. Ambos são excelentes. Além deles, meu médico me indicou uma fita adesiva de silicone para ficar o dia todo.

Claro que devemos usar só com a aprovação do nosso médico, hein meninas? A minha cicatriz já nem aparece mais, ficou melhor do que eu esperava. Estou cuidando bastante, mas também sei que ela está bonitinha assim por mérito do meu “doctor” Dr. Paulino hehehe.

Bom bloguetes!!! Espero que gostem deste post, me esforcei para dividir o máximo de experiências com vocês! No meu caso, amamentar doeu demais, mas hoje é o momento de maior felicidade na minha vida! Por isso eu falo com toda a força: NÃO DESISTAM! São 15, 20 dias de dor, aflição, desânimo, casaço… Mas tudo isso PASSA!!!! É a melhor coisa do mundo ver o seu bebêzinho mamando no seu peito, no seu colo, fazendo barulhinhos, mexendo a boquinha, olhando pra você! É emocionante! Ahhh, acho até que une ainda mais a relação do marido com a mulher, sabia? O Antonio via o meu sofrimento, mas também que eu estava lá, com muita vontade de amamentar a nossa filha, e me beijava, dava mais carinho, fazia massagem na minha perna hahaha. Até hoje ele faz isso, é muito emocionante este momento de filha, pai e mãe, ou seja, a nossa família que se formou! Falando assim até fico emocionada!

Bom, então vocês já entenderam né? Não desistam de amamentar por causa da dor! São poucos dias chatos, mas muuuuuitos dias maravilhosos pela frente!

Vou voltar com esses posts tá? Diário de uma mãe! Quero a opinião de TODAS nos comentários! Bjo bjo!

UPDATE: Esqueci as duas dicas mais importantes: TOMAR SOL e PASSAR O PRÓPRIO LEITE NOS SEIOS! Ajuda muito!!!! Casca de banana geladinha também!

Fotos: Blog da Mariah

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
922 amaram

POSTS RELACIONADOS

238 respostas

  1. Minha querida amei suas dicas e anotei todas.

    Somente queria dar uma contribuição a respeito de utilizar o leite coletado nas conchas protetoras. É recomendado desprezar esse leite e não da-lo ao bebê, pois o risco de contaminação é alto.

    Obrigada pelas dicas. Minha filha nasce em agosto e estou pesquisando tudo para cuidar dela da melhor maneira.

    Um grande abraço!

  2. Olá amei as dicas meu baby está com 13 dias e as vezes fico apavorada porque acho que ele não está mamando direito e não se alimentando adequadamente pois passa a maioria do tempo mamando. Sinto que o leite é pouco sei lá porque a maioria que conheço o leite chega a vazar e o meu não só sai quando aperto 🙁

  3. Ótimas informações!!! Também sofri bastante com dores, mas não desisti. Meu filho completou 6 meses na semana passada, voltei ao trabalho, mas continuo amamentando e ordenhando leite para ele tomar na minha ausência. Não é fácil, mas vale a pena todo esforço.

    Só gostaria de alertar que O LEITE QUE FICA NA CONCHA NÃO PODE SER REAPROVEITADO.

  4. Oi Mariah, tudo bem?

    Sou uma mamãe de primeira viagem e seu post me ajudou muito…obrigada por compartilhar suas experiências….abraços.

    Elaine.

  5. adoreio post!!! me emocionei tbm no final…
    estou com 37 semanas e estou pra encomendar a bombinha de tirar leite…
    poderia indicar qual vc usou e o que achou dela?
    obrigada!!
    renata

  6. Bom dia Mariah! Me emocionei com o seu post ao lembrar da minha fase de amamentação com a minha filha Giovanna. Foi exatamente assim comigo também. Tudo que você escreveu aconteceu comigo. A dor nos primeiros dias e a satisfação e o prazer de amamentar depois. Vale muito a pena insistir! Hoje estou grávida de 7 meses do Pedro, meu terceiro filho e sei o que está por vir e quero muito ser persistente e amamentá-lo também! Uma dica de pomadinha que me ajudou demais é a Garmastan, uma pomada azul, alemâ, que é antiinflamatoria e cicatrizante para ser usada nos primeiros dias ou semanas de amamentação. Ela me \”salvou\” pois meu peito até sangrava nos primeiros dias. Ela ajuda a reconstituir a pele de um dia pro outro e alivia muito a dor. Aqui em Belo Horizonte ela é vendida na \”Leite Meu\”. Fica a dica! Um grande beijo,

    Renata

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sobre a Mariah

Oiii bloguetes, sejam bem vindas (os) !!

Este é o nosso espaço, onde divido com vocês as minhas idéias, viagens, novidades sobre beleza e claro, vídeos pra lá de engraçados com dicas de cabelo, maquiagem, receitas… Tudo o que nós gostamos de saber!

O blog existe desde Outubro de 2007 e, quando comecei nessa vida de blogueira, não imaginava no que ele poderia se transformar um dia! Graças à vocês, que estão comigo todos os dias, o blog tem muitos acessos e ficou conhecido no Brasil e exterior.

Não posso deixar de mencionar um fato que sempre me faz muito feliz (muito mais do que acessos, comentários, anúncios),que é conhecer cada uma de vocês!!! Nada melhor do que fazer novas amizades, e até quem sabe, novos negócios!

Essa é a nossa casa! E vamos continuar com o nosso papinho de amigas (os)?

Beijos com carinho,
Mariah

Fale com a Mariah

Olá, bem vindos!!

Endereço para contato do Blog da Mariah:
Rua General Glicério, 870 / Centro / Araçatuba-SP / CEP: 16010-080

ou no email: [email protected]

Obrigada!!

Receba nossa newsletter

e acompanhe a Mariah nas redes sociais!

Anuncie

Tem interesse em anunciar no Blog da Mariah?
Por favor, não hesite em entrar em contato conosco no email

[email protected]

Obrigada!